Saltar para conteúdo principal
Azores.gov.pt - Portal do Governo dos AçoresEsta é uma presença online oficial do Governo dos Açores | COVID-19

Incentivar o teletrabalho e o trabalho colaborativo

Uma das experiências aprendidas com esta crise é de que é possível para determinados setores de atividade económica e carreiras profissionais o exercício de funções através de novos regimes e modelos de trabalho, de que são exemplo o teletrabalho e o trabalho colaborativo, nos setores Privado e Público, que contribuem para uma maior conciliação da vida profissional com a vida pessoal e familiar, com enfoque no trabalho por objetivos/resultados.
O Governo dos Açores propõe-se, em parceria com outras entidades, a dinamizar a criação de espaços de coworking/teletrabalho, como estímulo à partilha de experiências e ideias, contribuindo para a dinamização da economia local, quer nos concelhos, quer nas ilhas menos populosas, incentivando a fixação de jovens quadros qualificados e potenciando o  rejuvenescimento populacional.

MEDIDAS

1.18 - Trabalho à Distância - Empresas

Criação de espaços de coworking  em infraestruturas que possam ser ocupadas por colaboradores de empresas, cuja sede esteja localizada noutra ilha ou concelho dos Açores, tendo ainda elevado potencial de captação dos novos nómadas digitais. Estes espaços são de apoio ao trabalho à distância (teletrabalho), sendo que os colaboradores têm acesso a serviços básicos para trabalhar, reduzindo os custos fixos e estimulando a partilha de experiências e de ideias.
A gestão e dinamização destes espaços pode ser da responsabilidade dos municípios açorianos, com o intuito de apoiar a economia local, fixar pessoas e talentos especialmente nos concelhos e ilhas de menor dimensão da Região.

Cidadãos e Empresas

Beneficiários

Beneficiários

Social e Económico

Âmbito

 Âmbito

VPGECE; AMRAA; CCIA; SDEA

Responsáveis

 Responsáveis

1º Semestre 2021

Calendário

 Início

Longa ( superior a 36 meses)

Relógio

 Duração

1.19 - Trabalho à Distância - Administração Pública

O Governo dos Açores pretende, até ao final da próxima legislatura, ter em teletrabalho pelo menos 10% dos trabalhadores da Administração Pública Regional de entre o universo daqueles que exercem funções compatíveis com esta modalidade de trabalho, permitindo maior flexibilidade na prestação do trabalho e melhor conciliação entre a vida pessoal, familiar e profissional.
Esta medida visa, ainda, contribuir para a promoção do rejuvenescimento e o aumento da população nas ilhas com menor densidade populacional, através da afetação de trabalhadores, residentes naquelas ilhas, a serviços da APR sediados em outras ilhas, bem como através do incentivo à criação de novas centrais de serviços partilhados e centros de competências, preferencialmente localizados nas ilhas ou concelhos com menor densidade populacional, potenciando ainda a dinamização da economia local por via da criação de novos negócios e/ou a adaptação de atuais negócios, em resposta às necessidades daqueles novos segmentos de mercado/público-alvo.

Cidadãos e Empresas

Beneficiários

 Beneficiários

Social e Económico

Âmbito

 Âmbito

VPCEGE; SRTOP; SRMCT

Responsáveis

 Responsáveis

2º Semestre 2021

Calendário

 Início

Longa (superior a 36 meses)

Relógio

 Duração

1.20 - Guia do teletrabalho e do trabalho colaborativo da Administração Pública Regional dos Açores

Criação de guia do teletrabalho e do trabalho colaborativo destinado a entidades do setor Público dos Açores, em suporte digital, de livre acesso, em linguagem simples e com recurso a infografias, passível de ser usado como referencial de boas práticas pelas empresas açorianas, bem como pelo setor Social da Região.
Para além da apresentação das metodologias mais assertivas daqueles modelos de trabalho, tirando partido, designadamente de plataformas colaborativas de trabalho, em cumprimento da privacidade e proteção de dados pessoais, o guia incidirá também em técnicas e modelos de liderança e gestão de equipas, para capacitação de dirigentes e chefias.

Cidadãos, Empresas e Setor Social

Beneficiários

 Beneficiários

Social e Económico

Âmbito

 Âmbito

VPGECE; SRTOP

Responsáveis

 Responsáveis

1º Semestre 2021

Calendário

 Início

Curta (6 a 18 meses)

Relógio

 Duração

1.21 - Promoção de postos de trabalho móveis na Administração Pública Regional dos Açores

Potenciar a utilização dos meios tecnológicos na Administração Pública Regional dos Açores, através da definição de política de investimento que privilegie a renovação do atual parque informático por soluções de equipamentos portáteis, promovendo uma maior mobilidade aos utilizadores, bem como a desmaterialização do telefone fixo por integração de soluções de softphone no posto de trabalho, a otimização do licenciamento em exploração e a adoção de medidas de segurança da informação.

Cidadãos, Empresas e Setor Social

Beneficiários

 Beneficiários

Social e Económico

Âmbito

 Âmbito

VPGECE; SRTOP; SRMCT

Responsáveis

 Responsáveis

1º Semestre 2021

Calendário

 Início

Longa (superior a 36 meses)

Relógio

 Duração